Seja bem-vindo!

segunda-feira, 22 de fevereiro de 2010

CRISE DO "PESO-META"

Hoje pela manhã recebi um comentário na postagem anterior - a que está logo abaixo - que chamou muito a minha atenção. Quem escreveu ela foi a Luna, e eu achei por bem em transcrevê-la para uma reflexão. Posso, Luna? Vamos lá...

"Oi Edson!

Bom dia! Já escrevi alguns comentários para você! Sou uma Comidólatra (viciada em comida)em tratamento...tratamento este que, assim como os demais vícios, sei que deve durar pro resto da vida... Mas vim aqui te escrever porque acho que vc está passando por algo que passei...
Eu tinha uma vontade muito grande de descer da casa dos 55kg... Há muito não pesava isso e era meu sonho... Minha ansiedade era tanta, que toda vez que chegava perto, cometia um deslize e me distanciava dele... E acho que vc está passando por esta "crise do peso meta"...
Percebo que vc deve querer muito sair da casa dos 100 e, toda vez que chega perto, acaba deslizando de alguma forma... Vou te dizer uma coisa... nesse momento sua força de vontade tem que ser muito muito grande, porque a ansiedade vai dificultar as coisas, então o esforço tem que ser dobrado... então, da próxima vez que atingir a casa doas 100, dedique a sua próxima semana à dieta como um soldado se dedica a uma guerra... não se permita deslizar, ao menos naquela semana... pratique exercícios TODOS os dias e, de preferência, não se pese (isso aumenta a ansiedade)... Quando a gente sai do "peso meta", os dois três pesos seguintes caem numa facilidade incrível...vc verá! Boa sorte e estou torcendo muito por você!".

E não é que você tem razão, Luna? Isso já aconteceu comigo duas vezes. Em 1999, quando fiz uma dieta, estava pesando 98kg e pretendia chegar aos 80. Você acredita que cheguei em 83kg e esses três restantes não consegui eliminar de jeito nenhum? E agora parece que esse tormento volta a me atacar... Realmente minha meta inicial era perder 20kg até o dia 31/12/2009, ficando em 100kg. Pois observe aí ao lado, no demonstrativo da perda de peso, que no último domingo antes do natal eu pesava 100,3kg... Por causa de 300g não atingi minha meta, ou melhor, meu "peso-meta". E novamente me vejo no dilema da oscilação. Estou entre 100,3 e 103kg... E agora? O que eu faço para ultrapassar essa amarga linha divisória? Será que eu deveria seguir uma dieta sem meta? São tantas indagações que já fiz a mim mesmo...

Luna, minha querida... Obrigado pela mensagem! Você não imagina como foi importante ouvir essa sua observação. Vou tentar seguir os seus conselhos e ultrapassar essa linha divisória, que significa muito pra mim.

Confesso que minha alimentação mudou bastante em comparação com o início da dieta. Hoje mesmo senti falta das saladas que eu comia antes...

Sobre a pesagem, também confesso que depois que comprei essa balança aqui pra casa, o peso deu uma empancada. Não sei se é coisa da minha cabeça ou não. Até comentei sobre isso em postagens anteriores.

Bem... Só sei que para tentar ultrapassar essa barreira dos três dígitos, comprei hoje um shake que substitui uma refeição (vou substituir o jantar). Sei que para uma boa RA, isso não é legal, mas preciso dessa forcinha pra voltar a ver o ponteiro da balança cair. Não faltarei às caminhadas e academia e daí vamos ver como me sairei nessa semana.

Novamente agradeço a você por esse "despertar". Obrigado mesmo!

Um comentário:

αℓê ∂ιαѕ disse...

Ei Ed, foram tantas propagandas q tive q vir aki tbem, apesar de já ter vindo outas vezes...
As vezes tbem me sinto assim, nessa oscilação quando tá chegando perto da nossa meta...
Quando tava pra sair dos 100, parece a a balança emperrou, fikei algumas semanas indo e vindo entre 98 e 100. Agora q saí dos 90, tá acontecendo de novo... No finalzinho de janeiro, saí dos 90 e depois tive uma crise de ansiedade e logo o ponteiro subiu de novo.
Antes do carnaval, tava com 88,2, voltei com 90,1.
è uma coisa mesmo...
Não sei o q procova isso, mas acho q de alguma forma, nosso corpo tenta nos sabotar, kkk

bjux