Seja bem-vindo!

domingo, 10 de abril de 2011

RECOMEÇANDO...


Olá, meus amigos!


Esta imagem ilustra justamente o meu sentimento neste momento: recomeçar praticamente da estaca zero! Infelizmente não consegui manter aqueles quilos todos que havia perdido e engordei praticamente tudo de novo. Hoje eu estou pesando 117kg, acreditem! Sinto como se eu tivesse percorrido, a pé, 20km de uma longa estrada e alguém tivesse me colocado num carro e me levado 17km de volta, jogando-me novamente na mesma estrada, para continuar a caminhada.


E aonde foi que eu errei?


Errei, confesso, mas nem tudo foi fruto do acaso. Para quem já leu, vale a pena ler de novo. Para quem não leu, recomendo a leitura do post que considero um dos mais importantes deste Blog. É o texto que fala da maldita ansiedade. Clique aqui e confira!


Ano passado eu enfrentei um sério problema com meu plano de saúde. Como o contrato era antigo e pagávamos um valor bem abaixo no valor atual de mercado, meu convênio médico decidiu simplesmente cancelar o contrato. Apenas para vocês terem uma ideia, minha mãe passaria a pagar de R$ 55,40 para R$ 330,00, e daqui há quatro anos, esse valor praticamente dobraria. Aí me desesperei e procurei a justiça.


Só que a preocupação de perder o plano - não por mim, mas por minha mãe - fez surgir em mim uma ansiedade avassaladora. Era uma fome tão fora do normal que chega me dava um desespero. Eu não sabia o que estava acontecendo comigo. Comia, comia, comia, mas ainda continuava com uma fome de doer o estômago.


E a luta na justiça foi acirrada mesmo, mas eu sempre estive lá, pessoalmente, combatendo no processo, peticionando diretamente, já que foi num Juizado Especial Cível, que não precisa de Advogado.


Depois de travar uma verdadeira quebra de braços com o meu plano de saúde, enfim saímos vitoriosos, e o convênio médico num prejuízo na ordem de 24 mil reais (danos morais e mais multa por descumprimento da decisão judicial). Ainda não recebemos nada porque houve recurso, mas já ganhamos em primeira instância e, pelo menos, a assistência médica não perderemos mais, já que foram feitos novos contratos, mantendo-se os valores antigos.


ACREDITEM: assim que o problema foi solucionado, aquela fome insaciável simplesmente desapareceu. Eu achei isso incrível! Como é que a ansiedade pode acabar com uma pessoa desse jeito heim? Pelo amor de Deus...


Como eu cheguei num grau muito elevado de ansiedade - e fiquei um bom tempo assim - engordei uns 18 quilos e hoje estou praticamente no peso que iniciei a dieta, em agosto de 2009. Associado a isso, tem o fator de eu ter me afastado da comunidade ESTOU DE DIETA, no orkut, devido a alguns problemas de relacionamento com uma determinada pessoa que de lá já saiu faz tempo.


Perda de peso é como brasa na fogueira: devem permanecer juntinhas, uma aquecendo a outra e mantendo o calor em alta. Se uma brazinha daquelas se afastar das outras, certamente esfriará e perderá seu fôlego. Assim somos nós quando estamos no processo de emagrecimento.


Outro problema que também percebo que fiquei, foi que qualquer coisinha que aconteça comigo, qualquer aperreio besta, a ansiedade já bate à porta. Tempos atrás eu tomei, por conta própria, alguns comprimidos de um remédio controlado para a ansiedade (não mencionarei o nome para evitar auto-medicação dos leitores). De fato melhorei e muito! Mas parei porque foi apenas um teste. Necessito passar por um médico para uma avaliação.


Então é isso, minha gente! Esses foram os principais motivos que me fizeram engordar quase tudo de novo, infelizmente! Mas recomeçar é preciso e feliz é aquele que reconhece e segue o seu caminho de volta. Vamos à luta! De volta à disciplina!


4 comentários:

Luciana Laffront disse...

nossa que bom que vc voltou, é uma pena que com kilos a mais , mas tenho certeza que vc vai correr atras do prjuizo e tirar isso de letra, pode contar com minha ajuda
ótimo domingo e excelente semana pra vc
abraços

Maurício Antônio do Nascimento disse...

Querido amigo, tem uma música que fala assim:

A vida tem sons,
que pra gente ouvir,
precisa aprender
a começar de novo

É como tocar,
o mesmo violão
e nele compor uma nova canção

Que fale de amor
que faça sonhar
que toque mais forte este meu coração

Ah! Coração,
se apronta recomeçar
Ah! Coração,
esquece esse mede de amar de novo

----x----

Linda né?
Essa é a músia da minha vida,
ela se chama COMEÇO, MEIO e FIM.

Eu também já recomecei várias vezes,
e acredite: a cada recomeço estamos mais fortes, pois reconhecemos mais armadilhas.

Força meu amigo,
Mesmo longe, estou ao seu lado,
torcendo por você.

Abraço carinhsíssimo
Maurício

Dri disse...

Edddddd....voltaaaaa

Van Chaves disse...

Acabei e conhecer o seu blog e estarei seguindo sua caminhada, mandando energia positiva! Um passo atrás do outro e tudo dará certo! A propósito, adorei a receita de PST... soja faz bem pra saúde e qdo bem preparada é deliciosa!!!
Beijos

http://bistrohermanos.blogspot.com/